Skip to content

BTB 40: O PRIMEIRO FORWARDER 1085B

A JMG Fillion se orgulha de possuir o primeiro forwarder 1085B de 25 toneladas da Tigercat alguma vez construído. A BTB acompanhou a família Fillion no norte do Quebec para ver como a nova máquina se estava comportando.

— Samantha Paul, marketing

A JMG Fillion é uma empresa familiar que opera nas montanhas nevadas do norte de Lac-St-Jean, Quebec, a cerca de quatro horas de viagem da Cidade de Quebec. O proprietário, Martin Fillion, trabalha na floresta desde que tinha dezesseis anos. Seus filhos, Maxime (28), Nicolas (22) e Pierre-Vincent (24) são coproprietários e fazem parte da empresa. Maxime e Pierre-Vincent operam a colheitadeira de esteira H855C da Tigercat. Nicolas operava o 1075B da Tigercat, mas agora opera o novo forwarder 1085B. Martin explica: “Desde os dez anos de idade eles vêm para a floresta para me ajudar. Sempre adoraram isso. Aos dezoito anos, eles começaram a trabalhar na empresa”.

O forwarder 1085B com a grua F195T85 Tigercat, a garra FG43 Tigercat e fueiro low-wide em operação em terreno difícil e coberto de neve.

O forwarder 1085B com a grua F195T85 Tigercat, a garra FG43 Tigercat e fueiro low-wide.

Martin trabalha na floresta há mais de 30 anos e adora poder trabalhar todos os dias com a sua família. Eles não apenas trabalham juntos, mas também costumam passar os fins de semana reunidos, conduzindo motos de neve e viajando para competições.

A operação familiar

A JMG Fillion é contratada pela fábrica de papel Resolute Forest Products, em Dolbeau, Quebec, e corta principalmente abetos negros, também conhecidos como ouro negro. Os abetos negros levam cerca de 100 anos para crescer, o que torna sua fibra muito forte e valiosa. A entrada diária na fábrica Resolute é de cerca de 2000 m³. A JMG consegue colher uma média de 266 m³ de madeira por hectare. Além disso, contribui com cerca de 3000 m³ por semana para a fábrica e estima que cortará um total de 120.000 m³ este ano.

A família Fillion na frente do seu forwarder 1085B.

A família Fillion na frente do seu forwarder 1085B. (Da esquerda para a direita) Pierre-Vincent, Maxime, Nicolas e Martin.

A fábrica de papel Resolute tem regulamentos rigorosos, que se aplicam aos lenhadores contratados. Um encarregado verifica se os regulamentos ambientais e os protocolos de segurança estão sendo cumpridos. Os integrantes da equipe JMG devem usar sempre luvas anticorte, capacete, óculos e botas com biqueira de aço quando estão no local de operação. Sempre que precisarem fazer manutenção em uma máquina, como substituir uma corrente ou reabastecê-la, eles devem travá-la. Sempre que um acidente quase acontece, como um evento não planejado que não resultou em ferimentos graves, mas que tinha potencial para isso, deve ser documentado para a análise de risco dos funcionários da fábrica.

A JMG opera em dois turnos durante cerca de dez meses do ano. Eles interrompem as atividades apenas por quatro a seis semanas na primavera, dependendo do clima, e por uma a duas semanas no Natal. A equipe é formada por sete pessoas, que operam três máquinas — um turno diurno, um turno noturno e um turno diurno mecânico — permitindo à empresa operar 24 horas por dia. Os rapazes estão sempre competindo entre eles. As colheitadeiras tentam ficar à frente do forwarder e o forwarder tenta acompanhar as colheitadeiras. Com duas colheitadeiras alimentando um forwarder, eles precisam do maior e mais produtivo forwarder disponível. Esse foi um dos principais motivos que os levaram a adquirir o primeiro 1085B que conseguiram da Wajax Equipment, um distribuidor da Tigercat, em St. Felicien, Quebec.

A colheitadeira de esteira H855C Tigercat preparando madeira para o forwarder 1085B.

A colheitadeira de esteira H855C Tigercat preparando madeira para o forwarder 1085B.

A singularidade do local de trabalho exige que o forwarder se desloque mais de 800 metros da estrada em terrenos muito montanhosos com mais de um metro de neve no inverno. Martin acredita que a empresa pode ter duas colheitadeiras alimentando um único forwarder, desde que o forwarder seja extremamente resistente e confiável. O custo de um segundo forwarder não incluiria apenas os custos iniciais da máquina, como também os custos de dois operadores treinados, manutenção contínua e transporte de um local de trabalho para outro. Com um único forwarder 1085B, a JMG pode executar sua operação sem gargalos.

Aumento de produtividade — Grua e garra Tigercat

O forwarder 1085B de 25 toneladas da JMG inclui a nova grua F195T85, a garra FG43 e o novo e inovador sistema de fueiro low-wide, todos da Tigercat. Após nove meses na floresta, Nicolas e o operador do turno da noite, Philippe Gauthier, fizeram 2800 horas com a máquina. Nicolas comentou: “Gosto muito da grua maior e da capacidade da grua grande. É muito fácil de manejar. A maior capacidade de elevação facilita o deslocamento e, na verdade, ela parece ser mais leve do que a grua Loglift que tínhamos no 1075B”. Nicolas não teve nenhum problema para levantar cerca de 1,8 m³ de bétulas pesadas com a grua e a garra novas.

Nicolas também comentou sobre a garra da Tigercat: “Adoro seu design. É muito fácil enchê-la bastante. Geralmente carregamos dezoito garras de 1,5 metro cúbico (1,3 t) de abetos negros de 5 metros, totalizando até 27 metros cúbicos (24 t) por carga”. O gerente de distrito da Tigercat, Yannick Lapointe, cronometrou quanto tempo Nicolas levava para descarregar um fueiro completo de toras de 5 metros: cerca de três minutos e quarenta e cinco segundos.

Melhor visibilidade com o fueiro low-wide

Inclinando a carga para baixo, na direção da parte frontal do fueiro, e reduzindo a altura da barreira, o fueiro low-wide reduz as chances de contato com a grua e fornece máxima capacidade de carga sem a necessidade de um deslizador vertical. O sistema de fueiro low-wide expande até 7,5 m².

A visibilidade é muito melhor na parte traseira, com a barreira mais baixa. Durante o carregamento, o operador pode ver facilmente as toras no topo da barreira e as toras sendo carregadas até a parte traseira, aumentando consideravelmente a velocidade da operação. O fueiro low-wide permite carregar mais madeira mantendo o centro da gravidade mais baixo para que a estabilidade seja maior, o que faz uma grande diferença em encostas íngremes, terreno difícil e neve profunda. Martin resume tudo isso: “A garra maior com a grua mais potente da Tigercat e o fueiro maior e mais estável contribuem para uma produtividade superior”.

Trem de transmissão 100% Tigercat

O 1085B se destaca em aplicações de serviços pesados e carregamentos de longa distância, e é especialmente adequado a terrenos muito inclinados. A máquina está equipada com um trem de transmissão completo da Tigercat, incluindo componentes de transmissão, diferencial e truque, que melhoram consideravelmente a força de tração e a velocidade de deslocamento. A Tigercat espera alta confiabilidade e vida útil longa dos componentes do trem de transmissão em aplicações difíceis como essa.

A transmissão WideRange™ exclusiva da Tigercat foi testada em aplicações pesadas. A WideRange permite altas velocidades de trabalho e uma força de tração suficiente para transportar cargas de vinte toneladas em inclinações de até 60%. Essa solução de transmissão simples e confiável tem uma engrenagem de estrada incorporada e oferece a capacidade de manobrar em terrenos muito inclinados como nenhuma outra máquina no mercado.

O forwarder 1085B totalmente carregado descendo um terreno montanhoso e nevado para descarga.

O forwarder 1085B totalmente carregado descendo um terreno montanhoso e nevado para descarga.

“Essa máquina é bastante rápida. A velocidade dela é pelo menos 1 a 1,5 km/h maior do que a do 1075B, além da sua força de tração muito maior. Agora, o forwarder pode ir para todos os lugares onde a colheitadeira de esteira H855C vai, o que nem sempre era o caso”, afirma Nicolas.

Sua máquina 1085B está equipada com o novo truque ROB17, concebido e fabricado pela Tigercat. O truque tem o maior trem de engrenagem do mercado, tornando-o mais durável que qualquer outro sistema de truque de forwarder concorrente. O truque 1085 evoluiu em relação aos truques dos skidders 615E e 635E da Tigercat, que foram testados em aplicações de serviços pesados e têm sido utilizados por muitos anos. Os limitadores de truque da Tigercat limitam a carga colocada no giro e ajudam a distribuir o peso uniformemente nos truques durante o deslocamento em um terreno difícil.

“Você realmente sente a potência do motor nas rodas. Com meia carga ou carga completa, a máquina dá a sensação de ser rápida. Com carga completa, ela é capaz de subir facilmente um terreno com inclinação de 25 graus e cerca de 1,2 metro de neve”, afirma Nicolas. “A economia de combustível é semelhante à do 1075, mas conseguimos coletar muito mais madeira. O custo por tonelada é mais baixo e transportamos 25% mais madeira.”

Apoio superior

A JMG Fillion está impressionada não apenas com os avanços de engenharia da Tigercat, como também com o apoio prestado pelo gerente de distrito da Tigercat, Yannick Lapointe, e pelo distribuidor da Tigercat, Wajax St. Felicien, com quem Martin trabalha há mais de vinte anos. O apoio que recebemos de Yannick e Jean-François (especialista em vendas da Wajax St. Felicien) é fantástico”, afirma Maxime.

A JMG Fillion está bastante satisfeita com a produtividade do forwarder 1085B, e a família concorda que a Tigercat se preocupa verdadeiramente com seus clientes. “Estou impressionado com a forma como a Tigercat escutou nossas necessidades. Fizemos alguns comentários para o gerente de produtos da Tigercat, Jon Cooper, e agora vemos essas mudanças no novo modelo”, afirma Martin. “O 1085B tem uma grua maior, mais força de tração, maior velocidade de trabalho no carregamento e descarregamento e um fueiro maior, com melhor visibilidade para o operador. Tudo isso é uma grande vantagem para nós.”

Veja o forwarder 1085B em ação: