Skip to content

Filtros de combustível Tigercat

Proteja o seu motor com filtros de combustível de sintéticos Tigercat de alto desempenho.

– Chris Armour, redator técnico de marketing

Na edição 41 de BTB, de novembro de 2015, “Como lidar com o diesel”, tratamos de aspectos importantes relacionados à filtragem do diesel e à qualidade do combustível. Explicamos também por que ambos os fatores são fundamentais para o desempenho e a confiabilidade em motores diesel modernos.

Para resumir, o sistema de injeção de combustível de alta pressão common rail (HPCR, na sigla em inglês) de última geração usado com o motor Tigercat FPT opera em temperaturas e pressões muito mais altas que os motores anteriores. Isso significa que mesmo uma pequena contaminação do combustível pode causar sérios danos ao motor. Para que os motores Tigercat FPT operem sem problemas, é crucial usar filtros de combustível que atendam às especificações, como o filtro de combustível BH810, e substituí-los nos intervalos corretos, como especificado no manual do operador.

Filtro de combustível primário BH810 da Tigercat instalado em um logger 880D, imagem dos componentes internos do motor

Filtro de combustível primário BH810 da Tigercat instalado em um logger 880.

O filtro de combustível primário BH810 é posicionado depois do filtro separador de combustível/água transparente em motores Tigercat FPT, e é a última linha de defesa do motor antes de o diesel entrar no sistema de injeção de combustível. O filtro sintético especialmente projetado captura partículas de até quatro mícrons (um cabelo humano tem aproximadamente 100 mícrons de diâmetro) e é certificado para uso com motores Tigercat FPT. O filtro pode reter até 99,9% dos contaminantes com diâmetro superior a quatro mícrons, mesmo em condições de alta vibração e aumento do consumo de combustível, típicas de aplicações industriais florestais e fora da estrada. Isso melhora a confiabilidade do sistema de combustível do motor e reduz o tempo de inatividade e os custos de manutenção.

Partículas muito pequenas de contaminantes em um filtro de combustível

Partículas muito pequenas de contaminantes podem danificar a entrada do injetor de combustível.
(Aumento de 200x)

Os filtros concorrentes fabricados a partir de celulose com aditivos de vidro ou poliéster não são apropriados. A celulose pode absorver a água, provocando o desenvolvimento de bactérias e a obstrução prematura do filtro. Além disso, os filtros cheios de água podem congelar em temperaturas baixas e reduzir o fluxo de combustível. O resultado pode ser um filtro totalmente danificado, permitindo que combustível não filtrado e potencialmente contaminado entre nos injetores. Os injetores de combustível danificam-se rapidamente, o que exige reparos dispendiosos.

Além de usar o filtro certo, ele deve ser alterado no momento correto. O manual do operador especifica os intervalos apropriados para a troca de filtros. Estes intervalos são considerados aceitáveis em condições normais de funcionamento. No entanto, se você suspeitar que o diesel da sua região é de qualidade inferior, talvez seja necessário trocar o filtro com mais frequência. Considere o uso de um sistema de filtragem de dois estágios em tanques de armazenamento de diesel e carrinhos de abastecimento móveis para garantir que o combustível seja tão livre de contaminantes quanto possível antes de entrar no tanque da máquina. Como uma medida preventiva extra, limpe sempre o gargalo de enchimento de combustível para que detritos não entrem no tanque. Em caso de suspeita de problemas com a qualidade do combustível, consulte o seu distribuidor autorizado Tigercat imediatamente. Use peças genuínas Tigercat para proteger o seu investimento.

Artigos relacionados